Blogueira literária, apaixonada por livros, filmes, séries e outras coisinhas da cultura nerd. Responsável pelo projeto F.A.L.E. e pela revista Jovem Geek. Autora no Nyah, Spirit e Wattpad. Auxilia na revisão de originais e suporte a autores iniciantes.

19 de dez de 2014

Resenha : Amor em Jogo

Último livro da #MaratonaliteráriaToDeFérias .



Título : Amor em Jogo
Autora : Anaté Merger
Editora : Ases da Literatura
Páginas : 378

Sinopse


Exibindo CapaEbook - Amor em Jogo.jpg

 Aos vinte anos, Alix perdeu os pais, a fazenda onde morava no interior da Provence e toda a esperança de ter um futuro. Sem saída e rezando por um milagre, ele surge na forma de um emprego que parece ser extraordinário: durante três meses, ela vai trabalhar em uma mansão com vista para a baía de Saint-Tropez por um salário milionário. 



O proprietário é Clif Forestier, um astro do cinema excepcionalmente belo, extremamente rico e cinicamente sórdido. O oposto de Nathan, um jovem comerciante sensível e cativante, por quem ela começava a sentir algo especial até que o encontro explosivo com o ator desperta em Alix sensações que ela desconhecia. 

O verão começa e, aos poucos, ela percebe que é apenas uma carta do baralho no qual luxo, mentiras e sexo fazem parte de um contrato que coloca muito mais do que a sua dignidade em jogo: se quiser descobrir e ganhar quem realmente ama, Alix vai precisar enfrentar os seus demônios e apostar alto. As cartas estão na mesa. Uma nova partida da "Confraria de Ases" vai começar! 

Ela gosta da companhia dele, sempre educado e gentil. Com ele a conversa flui normalmente e ela praticamente esquece o delírio que está vivendo na "Confraria de Ases", mas Alix não consegue entender por que não afasta os pensamentos que envolvem Clif Forestier, cada vez mais insistentes durante o dia e a noite. A presença inibidora do ator e de tudo o que o cerca mexe com ela, mas ela não sabe exatamente como. Os sentimentos se cruzam e se debatem: medo, atração, desejo e tudo isso misturado ao interesse que crescia a cada dia por Nathan.

Minha análise sobre a obra


Quando comecei a ler o livro, fiquei um pouco descontente com algumas coisas. Certos diálogos, que achei desnecessário, são um exemplo. De princípio, não gostei da escrita da autora, mas não conseguia parar de ler. Algo naquela história me prendia, e a leitura fluía de forma leve e fácil. Em questão de minutos - nem me deparei com o tempo passando - eu estava na página 80 e tudo o que eu conseguia pensar era : essa história é incrível. Nessa parte, com a escrita da Anaté, e apaixonada pelo enredo e pelos personagens, eu estava viciada. E quanto mais eu lia, mais desesperada estava pra continuar. 

De início, não gostei tanto assim do romance entre Nathan e Alix. Não sei por que, mas aquilo não tinha me convencido, tinha sido muito rápido. Quando ela entrou para a Confraria de Ases as coisas começaram a ficar melhores. Tinha todo aquele mistério onde eu queria saber, desesperadamente, onde Alix tinha se metido. E eu queria saber quem era Clif. 

Amor à primeira vista com Nathan, atração explosiva com Clif Forestier. Um triângulo amoroso? Talvez. Confesso que fiquei preocupada com essa coisa de triângulo amoroso, porque estava farta de ler coisas do tipo. Mas a autora fez uma coisa tão brilhante, tão sagaz, que até agora estou sem palavras. Conforme você vai lendo, você quer saber o que está acontecendo ali, e quer saber com quem ela vai ficar. Nathan é tão mocinho quanto aparenta? Clif é tão desumano assim? 

Eu tinha uma leve suspeita sobre esses homens, mas não parecia que essa minha suspeita se encaixava aqui. Chegando no final do livro, meus olhos estavam completamente esbugalhados e minha boca escancarada : ela foi simplesmente genial. Genial na construção dos personagens, genial na forma com que conduziu toda a obra, genial no enredo. 

Todas as máscaras uma hora caem, e desses homens caíram. Entre as traições e merdas que os dois fizeram, teve uma do Clif Forestier que não sei se eu perdoaria. Ele fez uma coisa na frente na Aliz que eu juro, me fez ficar possessa. Eu tive que parar de ler tamanha minha raiva e surpresa na hora. Como ele teve coragem de fazer aquilo? Eu até entendo que ele queria provar a si mesmo e a Alix que não estava apaixonada por ela, mas precisava daquilo ?

Esse foi o livro que mais me surpreendeu esse ano, e só tenho que dar os parabéns para todos que contribuíram para essa magnífica obra. E ao leitor que ainda tem dúvidas se compra ou não esse livro : não exite. Você também vai se surpreender com o que vai acontecer na Confraria de Ases.




9 comentários:

  1. Realmente parece muito interessante, não estou acostumada a esse tupi de leitura mas esse me deu bastante interesse

    ResponderExcluir
  2. o livro é interessante, gostei (aqui é o iago '-' sempre que comento aparece como anonimo mesmo eu configurando a conta então ja deixo aqui mesmo)

    ResponderExcluir
  3. despertou minha curiosidade pelo livro, muito interessante.

    ResponderExcluir
  4. Poxa. Fiquei empolgada depois de ler a sinopse e a resenha do livro. Você me deixou intrigada e curiosa a respeito desses personagens. Preciso de algo assim pra ler. Que prenda minha atenção do começo ao fim.
    Beijos.

    ResponderExcluir

O que achou desse post? Encontrou algum erro ortográfico? Não deixe de comentar! Sua opinião é muito importante pra nós.
Não tem conta no google? Não tem problema.
Escolha a opção nome/url e coloque seu nome.
Volte sempre.

Sobre Nós

Blog literário criado por Thainá dos Santos e administrado com a colaboração da Emily Araújo.

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *